03 de Março – 3 anos de AVC

3 min - Tempo de leitura

1973735_469881769804891_745317761_oA criação do Blog da AMAVC tem por finalidade divulgar, promover, conscientizar, informar e enfatizar a importância da prevenção do AVC – acidente vascular cerebral.

Diante desta finalidade, hoje postamos uma carta da Sandra Issida Gonçalves – esposa do Renato Gonçalves, que teve o diagnóstico de AVC e que relatou sua experiência, onde hoje dia 3 de março de 2014 fazem 3 anos que seu marido teve um AVC.

Leia na integra essa carta:

“03 de Março – 3 anos de AVC”.

“Como voltar no tempo e reverter um acidente tão devastador que o abateu num momento em que galgava um crescimento profissional, com tanto tempo para viver (44 anos na época) e tantos sonhos a realizar?.

Mas o tempo não volta, quem dera faríamos tudo diferente, correríamos a um outro hospital mais capacitado, exigiríamos atendimento prioritário nos exames tão demorados, não aceitaríamos os diagnósticos equivocados… enfim se soubéssemos o que sabemos hoje.

Me lembro que sempre gostou da musica “Epitáfio” dos Titãs:

…..”Devia ter complicado menos, Trabalhado menos,
Ter visto o sol se pôr, Devia ter me importado menos
Com problemas pequenos, Ter morrido de amor…”
Mas você estava predestinado a enfrentar uma batalha gigante, que poucos conseguiriam, não tão forte e nem tão determinado como você.

Afinal está nos 10% dos que sobrevivem ao AVC no tronco cerebral, e mesmo que este acidente tenha te tirado todos os movimentos e te impedido de falar e comer, não te tirou a dignidade, teu espírito de guerreiro, o amor pelas pessoas e principalmente seu humor peculiar.

Para nós que convivemos de pertinho, nada mudou, você está como sempre esteve, a frente da nossa família, nos mostrando o caminho e nos mimando com sua preocupação.

Nos orgulhamos muito de você, saiba que nenhum AVC pode tirar de nossos corações o grande amor e admiração que sentimos.

Você que sempre cuidou de nós, eu e Danilo, agora nos dá a honra de cuidar um pouco como retribuição. Leve o tempo que levar estaremos sempre juntos”.

Com amor, sua esposa Sandra.

“Ps. que a nossa história seja o alerta para que nenhuma pessoa e sua família passe por tudo o que estamos passando, lutaremos para acabar com a ignorância do diagnóstico fechado, a falta de informação e protocolos sejam utilizados nos hospitais. Nem que para isto tenhamos que expor nossa vida, antes sempre tão discreta. Se for para salvar 1 vida, terá valido a pena.

Se quiser saber mais sobre o AVC – acidente vascular cerebral e porque ocupa o primeiro lugar em numero de mortes e sequelas acesse: www.amavc.com.br, contato@amavc.com.br, www.amavc10.blogspot.com — com Renato Gonçalves”

Carta escrita por Sandra Issida Gonçalves

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.